Mas se tu me cativas, minha vida será como que cheia de sol...


sábado, 21 de janeiro de 2012

.

As minhas mãos mantêm as estrelas,
Seguro a minha alma para que se não quebre
A melodia que vai de flor em flor,



Arranco o mar do mar e ponho-o em mim
E o bater do meu coração sustenta o ritmo das coisas.

.

Arte: Marc Chagall, Mãos.
Poema: Sophia de Mello Breyner Andresen.

.

36 comentários:

Marcelo R. Rezende disse...

O coração ditando as ondas. Coisa mais linda.

Grande beijo.

Be Lins disse...

Tudo lindo, tudo belo, e você um charme na foto.

Beijo, mago querido!

(no coração!)

Camila Márcia disse...

E agora a delicadeza parece fazer todo sentido.

Beijocas Leo, demasiada saudades!

Camila Márcia
@camila_marcia
http://delivroemlivro.blogspot.com/
http://devaneiosfugazes.blogspot.com/

Natália Rocha disse...

Lindo! Perfeição de combinação, texto e imagem.

Quero então que as batidas do meu sejam sempre intensas.

beijo, querido Leo!

Juliana Skwara disse...

Que lindo *_*
Obrigada pelo carinho e desculpe a demora em responder, mas as minhas férias estão me tomando hahaha
Volte sempre, um big 2012, abraços XD

Liza Leal disse...

Arrancar o mar do mar...
Maravilhoso!

bjo de luz, Leo!
=)

lolipop disse...

Querido Leo

Só vc para escolher a Sophia num remanso de mar...
Saudade de vir aqui onde brilham sempre mil sóis.

1000 ternuras

'Lara Mello disse...

Só o coração para sustentar algumas coisas =/

Sorte!

=**

Néia Lambert disse...

Magnífico!

Um abraço para você Leo.

Maria Oliveira disse...

Oi,vim conhecer seu Blog,amei e já estou super seguindo,parabêns por seu cantinho e muito sucesso aqui!

Te convido para conhecer meu Blog e se gostar e puder seguir também,será muito bem vinda,sinta-se em casa!

Ah,tem 2 sorteios rolando por lá,participa! :)

http://umamulherbemvestida.blogspot.com

Fernanda Curcio e Leonardo Macedo disse...

Meu querido, você já tem o mar em você, na sua alma ritmada, feita de canção e poesia.O seu coração é uma estrela, tem vida própria e sustenta o meu ser mesclado às suas serenas batidas.Sophia de Mello, a moça que namorava o mar em seus versos, sabia condensá-lo à natureza irremediável do amor.

Daniela disse...

coração é orgão pequeno , mas cabe tanto (de pessoas , de sentimentos) ele bate em ritmo acelerado .

Muito lindo !

Bjo grande :)

Alê disse...

Eu diria que as batidas do meu coração, impulsionam o ritmo das coisas,


Bjkas doce Leo!

Marília Felix disse...

Que o bater do coração possa sustentar as dores.

Que seja sempre assim!

:)

Abraceijos*

Evanir disse...

É belissimo ter vc comigo !
É quando a gente não encontra nenhuma palavra para expressar o que sente
Seu carinho e sua amizade me faz muito bem.
Muitas bençãos e vitórias pra você nesse dia !
Não se esqueça que ♥ ... ♥ Estou seguindo -te e te amando ♥
Não Tenha medo Tenha Fé.
Um feliz final de semana
beijos de paz e luz.
Evanir.
Li um comentário seu num blog que esta sem postar a algum tempo.
Onde você disse:Nada sustenta a mentira.
Foi formidavel conhecer esse comentário.
E verdade ninguém constrói a vida sobre alicerce de mentira.
Beijo mil.

JAN disse...

LEO, ESSE POST ESTÁ MUITO LINDO... PROFUNDO E ACESSÍVEL... COMO O MAR!

BEIJÃO
JAN

Evanir disse...

Leo, venho agradecer sua atenção desejar um feliz Domingo para você e toda familia.
Grande abraço.
Evanir..

Lívia Azzi disse...

Arrancar o mar do mar
é só para quem sabe
segurar as estrelas.

Beijinhosssss

NOEMI disse...

LINDO SEU BLOG LEO...Há uma lenda muito antiga
que diz:
Quem conseguir seguir uma estrela inalcançável
e viajar na luz de seu brilho,
no final do caminho,
encontrará um Menino,(símbolo da nossa criança
interior).A criança interior divina...QUE tem a inocência, a espontaneidade e o anseio profundo da alma humana por expandir-se e crescer
O aspecto divino da criança interior que habita em todos nós é uma fonte que, quando percebida conscientemente, pode nos oferecer coragem, entusiasmo e, principalmente, cura. Ela é divinamente inspirada, irradiando luz para quem a encontra e iluminando nossa sombra.bjs querido.

Van disse...

Ai, que "sodade docê" menino!

Maior que a grandeza, mais amplo que o mar.

Leo,
é de renasceres que a vida se compõe, feliz composição pra você.

Beijos

disse...

que belo....
"o bater do meu coração sustenta o ritmo das coisas"... bem assim

beijos

Alê disse...

Passando pra deixar um beijo!

Tati Lemos disse...

Lindo Leo,

Saudades de você querido. vê se aparece.

Aleatoriamente disse...

Que precioso querido Leo.
Tua sensibilidade emociona.
Um beijo com carinho.

Mara Ribeiro disse...

Leo, adorei sua visita e seu espaço é encantador.
Bjo no coração.

http://www.umcantonocoracao.blogspot.com/

Patrícia Vicensotti disse...

Saudade do lugar onde colho as coisas mais bonitas...

Um beeijo,Leo!
Que tudo esteja bem :)

Pipa. A Pipa dos Ventos. disse...

Só posso desejar que estas águas lhe corram bem dentro. E se isso for possível, que lhe arrebente as comportas do peito.

Um beijo Lelito

Fred Caju disse...

Muito demais! Imagem, poema e página.

Carol R. disse...

Texto lindo, lindo, lindo...

(:

Débora Moura disse...

"E o bater do meu coração sustenta o ritmo das coisas." Quem mais pra segurar a onda? Adorei o blog!

Sahara Higino disse...

As mãos que não são furadas, sustentam! Porém, as mesma que sustentam, espremem e fazem doer.
Linda Poesia.

Sigo-te.

Janaina Cruz disse...

As mãos que guardam estrelas, e o corpo que resguarda um mar, são de um ser que pode sentir se ferido pela luz das estelar ou afetado pela maresia, mas que nunca há de perder a capacidade de sonhar.

Abraços Leo, tudo de bom pra ti.

Cristiny* disse...

Tanta saudade de tu...
xeiro!
;)

Bianca Morais disse...

Não sei dizer se gostei mais do poema ou da imagem, sendo ambos obras de arte...

Parabéns pelo blog, sempre que venho aqui me surpreendo com a intensidade e complexidade dos poemas e também imagens.

Uma ótima semana pra ti e obrigada pela visita lá no blog,
beijão.

Aleatoriamente disse...

Leo amigo querido.
Vim matar a saudade.
Te deixar um abraço com muito carinho.

Beijinho amado

Léli disse...

É como se o coração fosse o cérebro, como se ele tivesse o controle. E é verdade, não é!
LINDO DEMAIS *-*