Mas se tu me cativas, minha vida será como que cheia de sol...


sexta-feira, 9 de setembro de 2011

.


Entre os mortos, num bombardeio ao amanhecer,
Havia um homem de cem anos.

.

Texto: Dylan Thomas.
Fotografia: Ângelo Maciel.

.


27 comentários:

Luna Sanchez disse...

*silêncio*

=*

Camila Lourenço disse...

Profundo.

Camila Márcia disse...

Que trágico!

bjs Léo.

Marcelo R. Rezende disse...

Lindo.

JAN disse...

SEM COMENTÁRIO...

ABRAÇO

JAN

Alê disse...

Triste!

Denise Portes disse...

Leo,
Como essas palavras mexem com o nosso coração.
Um beijo
Denise

Cris . disse...

muito triste .

'Lara Mello disse...

Essas são as peças da vida :(

Carol disse...

Nossa, forte!

Bom domingo, querido!

Tati Lemos disse...

E não tava chorando não?


Beijo guri!

nilson oliveira disse...

tantas guerras inúteis. tantas vidas obsoletas. tantos resumos desnecessários. tudo se movimenta. o inesperado nos atinge sem pedir licença, como é de sua natureza óbvia.

Daíse disse...

Forte e intenso!!!!
Bjo!

Néia Lambert disse...

Tocante!

Um beijo.

Lai Paiva disse...

Não há o que dizer...Beijo Leo.

Cleber Eldridge disse...

tragico?

Karlinha Ferreira disse...

Ao menos entre os mortos, alguém teve uma passagem pouco mais duradoura nessa estreita estrada que é a vida.

Beijo grande!

Suzi disse...

.

Leozinho... hoje é teu dia, mas o presente é meu, que ganhei essa pessoa iluminada, do coração doce e puro, que está comigo em todas as horas.

Obrigada por existir em minha vida e fazer resplandecer teu brilho que me ilumina.

Parabéns!

Tudo de melhor pra ti! Desejo!

De coração pra coração ♥♥

Te beijo! Te abraço forte!

Nosso 'Pra sempre' nunca acaba.

Forever...


FELIZ ANIVERSÁRIO!


.
.

Lily disse...

Ah! Hoje eh teu aniversario? Parabéns! Felicidades! Linda data, um mês depois do aniversario da minha filha e eh setembro. Gosto desse mês.

Que você se conserve assim, guardador de jardins ocultos.

Beijos,

Suzana/LILY

Suzi disse...

.

Simmmm.... mais uma coisinha.

Esse ano não tem presente.

Primeiro: Não gostou do que te dei ano passado.

Segundo: O presente que ia me dar, terminou que ficou com ele pra você, e, no meu niver veio me dar beijo de presente. Beijo eu ganho todo dia, não é presente de aniversário. kkkkkkkk

Tá de castigo!


Beijos de presente pra ti.


.
.

Natália Rocha disse...

Tantas deviam ser as histórias que ele trazia consigo.

Ah, Leo! Tão forte.

um beeijo, menino bonito de idade nova!

:)

Paula Cristina disse...

forte e intenso. :/

ps : passando pra te deixar um beijinho, né.
Bom restinho de semana. ^^
até mais.

Lívia Azzi disse...

Entre tantas coisas tristes que acontecem todos os dias, existem outras belas e que nos salvam.

Nossa amizade é um exemplo.Te adoro, amigo lindo!

Beijos.

Marília Felix disse...

Léo meu,

eu não quero ter cem anos. Eu quero, na verdade, os anos que me restam de vida, porque os já vividos não os tenho mais.

:)

Te mando um beijo, pega ele aí no ar!

Van disse...

O horror da guerra diante da fragilidade da vida, da mais resistente.

Um beijo Leo querido!

Val disse...

profundo

Lilian disse...

Viveu bastante.
Saudade.